câncer ósseo2_Prancheta 1

O que são cânceres ósseos?

Os cânceres ósseos são tumores que destroem o tecido ósseo saudável. Nem todos os tumores ósseos são malignos, pelo contrário, os tumores benignos são muito mais comuns do que os tumores malignos.

Esse tipo de câncer  pode ser dividido em em primário e secundário

  • O câncer ósseo primário se forma nas células dos ossos e é muito raro. Entre os tipos de câncer primários estão: osteosarcoma, condrossarcoma, sarcoma de Ewing, histiocitoma fibroso maligno, fibrossarcoma e outros sarcomas.
  • O câncer ósseo secundário começa em outra parte do corpo, eventualmente se espalhando para os ossos. Por exemplo, uma pessoa com câncer de pulmão, que se espalhou para o osso é considerado como tendo câncer de pulmão com metástase para o osso. Na maioria dos casos, não possui cura e, por isso, o tratamento é paliativo para manter o conforto do paciente.

 

Sintomas do câncer nos ossos

Dentre os sintomas mais comuns de câncer destacam-se:

  • Dor nos ossos: na fase inicial a dor não é constante, entretanto, pode ser muito intensa à noite ou quando movimentam-se as pernas como, por exemplo, para caminhar;
  • Inchaço das articulações: possível surgimento de nódulos nas articulações. Estes nódulos pode aumentar a dor e o desconforto, em especial nos joelhos e cotovelos;
  • Ossos que quebram facilmente: por estar mais frágil, podem ocorrer a fraturas dos ossos, sendo mais comum fraturas do fêmur ou da coluna.

Além destes sintomas, o tumor pode levar a perda de peso sem nenhuma razão aparente, cansaço intenso e febre constante. Caso o câncer venha a se espalhar para outros órgãos como, por exemplo, o pulmão, é provável que ele cause outros sintomas mais específicos, como dificuldade a respirar.

Para realizar o diagnóstico do câncer ósseo, o especialista precisa observar os ossos do paciente. Normalmente, indica-se a realização de raio-X para confirmar a suspeita. Além disso, pode ser importante realizar exames complementares como, por exemplo, uma biópsia para a realização de um diagnóstico preciso.

 

Tratamento para câncer nos ossos

Os tratamentos para o câncer ósseo são propostos pelo médico oncologista e dependem de cada tipo de tumor. Na maioria das vezes, inclui a realização de quimioterapia, radioterapia e, em alguns casos, a realização de cirurgia para amputar o membro afetado, mantendo, se possível, o máximo da sua funcionalidade.

Entretanto, quando o câncer ósseo chega a uma fase muito avançada, o tratamento mais comum é o tratamento paliativo, que é aquele feito para manter o conforto do paciente, reduzindo a dor e o desconforto causado pelos sintomas.

 

 

 

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *